Podcasts do Caixa

Quem frequenta a cena noturna periférica recifense já deve ter ouvido falar em Ojuara. O produtor responsável por articular diversas ações culturais na Região Metropolitana se encontra detido sob a acusação de tráfico de pessoas entorpecentes, um crime que não cometeu.

Juan Ruiz Santana, que é réu primário, teve seu Habeas Corpus julgado nesta terça-feira (7). Os desembargadores decidiram com unanimidade pela liberação do Ojuara e aplicação de outras medidas cautelares que não a prisão, sendo assim, o articulador cultural responderá ao processo criminal em liberdade.

Juan Ruiz Santana, mais conhecido como Ojuara, é um importante articulador da cena cultural periférica na Região Metropolitana do Recife, organizando festas, shows e promovendo artistas locais
Cerca de 50 pessoas, entre amigos, familiares e frequentadores dos eventos promovidos por Ojuara compareceram para prestar apoio. Também estiveram presentes no local políticos, como a co-deputada Robeyoncé Lima, das Juntas (PSOL), e o vereador Ivan Moraes (PSOL), que subiu à tribuna da Câmara Municipal do Recife no dia anterior para protestar em favor do produtor.

Enquanto produtor de diversas festas como o Baile de Favela e 9K Sessions, Ojuara costumava visitar estabelecimentos comerciais parceiros para que revendessem os ingressos dos eventos. Numa dessas visitas, Ojuara foi pego no meio de uma operação policial num estudio de tatuagem no bairro de Santo Antônio. Os funcionários e dono do local fugiram, enquanto que Ojuara, ciente de sua inocência, permaneceu no local. Foram encontrados 3,3 kg de maconha no local e tentam creditar a ele a responsabilidade pelo delito.

Ojuara é uma figura importante na cena cultural que transborda das periferias da Região Metropolitana do Recife. Seu trabalho tem ajudado a promover os talentos que surgem nos bairros menos abastados, muitas vezes marcados pela violência. É também por meio de sua produtora, a 9K, que Ojuara contribui na manutenção do seu lar junto à sua mãe.

O rapper Diomedes Chinaski, que hoje goza do prestígio da cena Hip Hop nacional, foi companheiro de luta de Ojuara no início da carreira e vem pedindo apoio nas redes sociais em prol da liberdade de seu “irmão”.
| Designed by Colorlib